Posts Tagged ‘Patrick Carman

21
nov
10

“O Círculo Negro”, quinto volume da serie “The 39 Clues”

Após o dilema de acompanhar ou não a serie “The 39 Clues”, optei pelo sim. Isso por que, como eu disse em um post anteriormente, fiquei muito desconfiada com a ideia de Rick Riordan, criador da serie, de estabelecer que os livros seriam escritos por alguns autores. A princípio a ideia me agradou, no entanto, tenho muito de não gostar de determinados estilos de escritas e isso poderia me fazer desistir de acompanhar os livros. O primeiro volume é incrível, uma grande responsabilidade, já que ele seria o pontapé inicial que faria os leitores sentirem ou não vontade de continuar comprando os volumes lançados. E nisso, Riock Riordan, foi um sucesso, como sempre, diga-se de passagem. Há quem não goste dele, do seu estilo, mas ele me agrada em muito, principalmente pelo fato de resgatar culturas pouco conhecidas em suas histórias. Afinal, o cara é professor de história há mais de 15 anos, ou seja, é o seu forte e sua escrita é deliciosa.

Porém me decepcionei com um, apenas um, escritor que deu sua contribruição a “The 39 Clues”. Mas o problema foi que justamente ele escreveu o terceiro volume, o que poderia ter me freado e ter desistido de acompanhar as aventuras dos irmãos Amy e Dan Cahill. Mas digamos que eu seja uma pessoa persistente e acreditei que os outros livros poderiam ser melhores. E assim eu continuei acompanhando e não me arrependi. De fato os outros autores conseguiram acompanhar a história iniciada por Riordan e deram continuidade com maestria à caracterização das personagens, ao ritmo intenso das aventuras e grande contruibuição a divulgação de aspectos culturais e históricos de cidades e países pouco conhecidos principalmente pelos estudidenses.

No quinto volume da serie, “O Círculo Negro”, Patrick Carman (autor de livros infanto-juvenis que fazem muito sucesso fora do Brasil) conduz a história de forma brilhante. Dan é uma personagem que eu simplesmente adoro e dou muita risada com suas tiradas engraçadas e comportamento totalmente fora de controle e, aqui, ele continua como criado por Riordan. Inclusive com um destaque e participação muito interessante.

Saídos do Cairo, os irmãos Cahill parte sem a au-pair, Nellie e também sem o gato Saladin, para a Rússia, dispostos a encontrar a quinta pista que os levará a uma riqueza sem tamanho e reconhecimento para a posteridade.

São muito interessantes e ricas as descrições feitas por Carman sobre a Rússia. Não foi tratada como um país frio, distante, fechado e com hábitos e culturas estranhas, como muitas vezes as pessoas estão acostumadas. Aspectos culturais e pontos turísticos foram muito bem retratados, contribuindo para conhecimentos gerais para os jovens leitores. Inclusive já li pela net que alguns adolescentes chegaram a pesquisar em sites de buscas se o que foi descrito e dito no livro correspondia a realidade da Rússia. O que é algo maravilhoso, a partir do momento que despertou a curiosidade infantil e juvenil, a ponto de fazê-los ir em busca de maiores informações sobre um povo, uma cultura e um país que não faz parte sequer de estudos aprofundados nas escolas, salvo no que se refere à Revolução Russa e o seu principal líder, Lênin.

Os livros da serie geralmente são traduzidos e lançados no Brasil com rapidez, o que considero um avanço e um ponto muito positivo, pois não quebra o ritmo de leitura dos jovens e sempre os estão inserindo em novos conhecimentos gerais e culturais sobre diferentes povos e nações, a partir do momento em que as personagens tem como missão e desafio encontrar as 39 pistas ao redor do mundo.

Por esses aspectos e outros, como boa leitura, momentos de diversão e descontração, eu super recomendo a leitura de todos os volumes da serie.

 

12
mar
10

Rick Riordan

 

O escritor Rick Riordan nasceu em 1964 em San Antonio, no Texas, onde mora atualmente com a esposa e dois filhos.

Por 15 anos lecionou inglês e história em escolas públicas e particulares em São Francisco.

Publicou uma série de mistérios para adultos, “Tres Navarre”, bastante premiada e atualmente está vendo o mercado literário elogiar muito a sua recente produção, a série infanto-juvenil “Percy Jackson e os Olimpianos”,  que surgiu pela sua paixão pela história da mitologia grega e também por conta de um de seus filhos ter dislexia. Ele decidiu criar uma história em que um garoto também possuía dislexia e mesmo assim é possível ser um herói.

Seus alunos sempre o questionavam porque não escrevia as histórias que ele contava em sala de aula em livros e, assim, surgiu a série Percy Jackson. Como Riordan também é apaixonado pela mitologia egípcia decidiu escrever também uma série de livros infanto-juvenis (“As Crônicas de Kane”) narrando as aventuras de um casal de irmãos que viverá os mistérios, segredos e fascínios do mundo egípcio.

 

Algumas de suas obras:

 

“Percy Jackson e os Olimpianos”:

“Tres Navarre”:

Série “The 39 Clues” – O primeiro foi escrito por ele, no entanto, os demais serão escritos por outros autores

  • Book 8: Sem título ainda – Gordon Korman
  • Book 9: Sem título ainda – Linda Sue Park
  • Book 10: Sem título ainda – Margaret Peterson Haddix

 




Melissa Rocha

Jornalista apaixonada por cachorros e literatura, principalmente o gênero infanto-juvenil. Torcedora (e sofredora) do Palmeiras e Bahia. Fã de Drew Barrymore, Dakota Fanning, Anthony Kiedis e Red Hot Chili Peppers, All Star e Havaianas.

Blog Stats

  • 1,449,945 hits

No Twitter

RSS Ocasional

  • Ocorreu um erro. É provável que o feed esteja indisponível. Tente mais tarde.
abril 2017
S T Q Q S S D
« abr    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930

Páginas

Enter your email address to subscribe to this blog and receive notifications of new posts by email.

Junte-se a 74 outros seguidores

Mais Avaliados