26
jul
10

A Sombra do Vento – Suspense ambientado em Barcelona do início do século XX que revolucionou a literatura Espanhola

Apesar de ser uma leitora voraz, não conhecia a literatura espanhola. Com exceção de “Paixão Índia” de Javier Moro. Há dois anos li “A Sombra do Vento” e me encantei por Carlos Ruiz Zafón. Autor que se tornou motivo de orgulho para os espanhóis, já que é um fenômeno de vendas em todo o mundo e elevou a literatura espanhola a um nível muito bem aceito e criticado, além de ser considerado mundialmente como o autor que a Espanha revelou após anos sem nenhuma novidade.

Zafón está em tão alta conta comigo que assim que “O Jogo do Anjo”, seu segundo livro, entrou em pré-venda no Brasil em 2009, eu adquiri um volume.

“A Sombra do Vento” é um romance carregado de suspense, certo grau de violência, muito bem escrito, todo amarrado, sem deixar espaços para questionamentos ou buracos na trama, além de despertar no leitor a vontade de não fechar o livro ou não terminar de lê-lo em uma única sentada. Dá vontade de ler tudo de um só fôlego.

Alguns críticos chegam a definir Zafón como uma mistura de Alexandre Dumas, Edgar Allan Poe e Victor Hugo (ou seja, o moço não é pouca coisa não).

Zafón de forma magistral retrata a Barcelona de 1945, no pós II Guerra Mundial. Indiquei o livro a uma amiga que morou em Barcelona por quase um ano e ela disse que para quem conhece a cidade, é um deleite, despertando um saudosismo irrefutável.

“A Sombra do Vento” conta a história de Daniel Sampere, um garoto de 11 anos que vive com o velho pai, dono de uma pequena livraria. O garoto cresceu carente das lembranças de sua mãe e o pai decide lhe dar como um especial presente a visita a uma biblioteca secreta um tanto misteriosa e diferente: O Cemitério dos Livros. Um lugar mágico onde os freqüentadores diziam que os livros que lá se encontravam – esquecidos e abandonados pelo mundo – escolhiam o leitor e não o contrário.

Nesta visita, Daniel sente uma atração inexplicável pelo livro denominado “A Sombra do Vento”, do autor Julian Carax. Como não poderia deixar de ser, o garoto leva o livro com ele. Após lê-lo ele fica completamente fascinado pelo autor e começa a procurar outros livros escritos por ele (isso já aconteceu com você? Comigo acontece o tempo todo). Mas apesar do esforço, de ir em todas as bibliotecas, livrarias e sebos da cidade, nada sobre Julian existe. Mas Daniel descobre mais: todos os livros de Carax foram adquiridos e queimados por um homem não identificado. Restando apenas o exemplar que ele pegara no Cemitério dos Livros.

A partir daí a história de “A Sombra do Vento” começa de fato e o suspense não deixa mais de estar presente em toda a obra. Daniel se torna um verdadeiro detetive, empenhado em descobrir quem era de fato Carax e porque todos os seus livros foram destruídos. Mas as respostas para essas questões estão rodeadas de mistérios, suspense, terror e muito sofrimento, que inclusive podem colocar em risco a integridade e segurança não apenas de Daniel, mas de sua família e das pessoas que ele de fato ama.

E o mais espetacular é que Zafón vai conduzindo Daniel não apenas para as descobertas acerca dos mistérios que rondam Julian Carax, mas também perigos, corrupção e segredos envoltos em toda Barcelona.

Mas Daniel não está sozinho nessa. Sendo ele um garoto esperto e inteligente acaba conhecendo pessoas que vão ser muito importantes para lhe ajudar e também conquistará amigos e aliados leais. E nessa busca, Daniel não apenas entende e resolve mistérios, mas também amadurece e acompanhamos a sua transformação de um garoto franzino para um jovem correto e bom caráter.

“A Sombra do Vento” é fascinante, enaltece a importância dos livros para a cultura e formação de um homem e diverte os leitores com uma escrita gostosa e carregada de emoções. Além de pincelar a relação fascinante de amor que os livros, ou um livro em especial, desperta nos leitores.

Zafón no início da carreira dedicou o seu tempo e talento para a literatura infanto-juvenil, mas com o amadurecimento enveredou para um público mais maduro e seleto. E desta decisão surgiram livros magistrais, justificando as críticas positivas e sucesso absoluto do autor em países como Espanha, Alemanha, Estados Unidos e Brasil.

Conforme um projeto criado pelo autor, “A Sombra do Vento” é apenas o primeiro de uma tetralogia sobre a Barcelona da época de Franco. No Brasil já temos dois dos quatro livros. Que venham os demais e que Zafón escreva muitos outros, para engrandecer e divulgar ainda mais a boa literatura espanhola.

Anúncios

4 Responses to “A Sombra do Vento – Suspense ambientado em Barcelona do início do século XX que revolucionou a literatura Espanhola”


  1. 1 Sandra Oliveira
    julho 26, 2010 às 5:08 pm

    Já li e é maravilhoso mesmo! Também não conhecia a literatura espanhola e adorei tanto que já tenho na lista O jogo do anjo também.
    A narrativa é mesmo perfeita, sem deixar dúvidas quanto à leitura, nos posicionando no tempo e no espaço de forma inquestionável.
    Todo o suspense do livro, aliado à grande homenagem aos amantes da leitura é inesquecível.
    Esses dias mesmo dando uma olhada na minha estante, pensei: preciso reler esse livro.
    E Daniel é um personagem que me encantou desde o ínicio. Não tem como não se apaixonar pela história dele!

    ótima sugestão!

    beijos^^

  2. julho 28, 2010 às 5:12 pm

    Ah, “O Jogo do Anjo” também é dos bons. Não tão bom quanto “A Sombra do Vento”, mas merece ser lido. Zafón arrasa =)
    Quanto a Daniel, de fato não há como não se encantar pelo garoto =)
    =*

  3. 3 Márcia
    julho 30, 2010 às 2:27 pm

    Olá Melissa…

    Acabei de conhecer seu trabalho, e foi por acaso, mas achei sensacional.

    Li tudo, tudinho mesmo, passei a manhã empenhada nisso, acabei agora, decidi deixar o comentário nessa página porquê simplesmente amei esse livro, considero ele um dos melhores que li nos últimos tempos, indico que todos leiam, comprei “O jogo do Anjo” hoje, assim que ler conto o que achei.

    Parabéns!!!

    • julho 30, 2010 às 3:39 pm

      Olá Márcia, em primeiro lugar obrigada pela sua participação e ainda não consigo acreditar (modo de falar) que você leu tantos posts. Nossa, fico muito honrada e também bem orgulhosa!
      Eu estou em um momento bem complicado da minha vida. Envolvida em um projeto que consome muito o meu tempo e estudando muito. Gostaria de ter mais tempo para me dedicar mais ao blog, mas será difícil até o final do ano. Por isso atualmente eu tenho postado sobre livros mais antigos. Não tenho tido tempo, infelizmente, de ler os muitos livros que comprei em junho. Por isso atualmente não há resenhas sobre livros mais novos do mercado. No entanto, foram livros que gostei muito.
      Assim como “A Sombra do Vento”. Um livro relativamente antigo, mas que me marcou. E fico feliz que tenha gostado também. Já li “O Jogo do Anjo” e em breve também trago um comentário sobre ele.
      Obrigada novamente =) e volte sempre que sentir vontade


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


Melissa Rocha

Jornalista apaixonada por cachorros e literatura, principalmente o gênero infanto-juvenil. Torcedora (e sofredora) do Palmeiras e Bahia. Fã de Drew Barrymore, Dakota Fanning, Anthony Kiedis e Red Hot Chili Peppers, All Star e Havaianas.

Blog Stats

  • 1,486,161 hits

No Twitter

RSS Ocasional

  • Ocorreu um erro. É provável que o feed esteja indisponível. Tente mais tarde.
julho 2010
S T Q Q S S D
« jun   ago »
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031  

Páginas

Enter your email address to subscribe to this blog and receive notifications of new posts by email.

Junte-se a 76 outros seguidores

Mais Avaliados


%d blogueiros gostam disto: