13
jun
10

10 livros em 10 dias – 1º dia

Vi a proposta de um desafio muito interessante há alguns dias atrás no blog da Íris – www.literalmentefalando.blogspost.com e como achei bem divertido, resolvi adotar também. Em dez 10 comentarei sobre 10 livros que:

  • Mais gostei – 01° dia
  • Mais odiei – 02° dia
  • Mais barato que comprei – 03° dia
  • Mais caro que comprei – 04° dia
  • Mais prendeu minha atenção – 05° dia
  • Menos prendeu minha atenção – 06° dia
  • Mais recomendo – 07° dia
  • Menos recomendo – 08° dia
  • Mais interessante/diferente – 09° dia
  • Mais velho que você tem ou leu – 10° dia

Dia 1: Livro que mais gostei

  • Escolha: “Ayla, a Filha das Cavernas”, Jean M. Auel

Acho que do desafio proposto, o mais difícil para escolha é esse primeiro dia, afinal são muitos os livros que amei e me marcaram de alguma forma. No entanto, “Ayla, a Filha das Cavernas” é simplesmente sensacional (bem como todos os cinco volumes da série).

Amo História, tive muita vontade de estudar História como curso superior, mas por hobbie, não para exercer a função de historiadora. Isso porque é uma área muito restrita e segundo porque deve ser muito interessante poder estudar, aprender e conhecer muito mais sobre outras culturas, conflitos mundiais, povos antepassados e o nosso triste e complicado passado. E “Ayla, a Filha das Cavernas” esta nesta seara. Um resgate de um passado muito longínquo, dos primórdios da humanidade e a autora, Jean M. Auel, é um exemplo de dedicação e amor ao seu trabalho.

A história se passa na pré-história, há mais de 30 mil anos atrás, onde o mundo que hoje é a Europa era habitado por Neandertais (em seu declínio) e Cro-magnon (com surgimento e predominância a pleno vapor).

Ayla, a personagem central e título do livro, é uma Cro-magnon de apenas cinco anos que se torna órfã por causa de um terremoto. Sem saber como sobreviver sozinha, vaga a esmo e bem debilitada acaba sendo encontrada, resgatada e adotada por uma tribo de neandertais. O que é um grande tabu, seres de “raças” diferentes, que se estranham e não se toleram terão que conviver e aprender o que for preciso para viver em harmonia. Mas nem sempre tudo fora fácil para Ayla e ela terá que abrir mão do que sempre foi para tentar se encaixar e encontrar seu lugar em um mundo no qual ela não nascera pronta para tal. Para tanto ela desaprende a falar e precisa aprender a se comunicar por sinais e emitir ruídos guturais.

Jean M. Auel pesquisou com afinco por cerca de 10 anos tudo que se refere a esses povos que antecedem a humanidade que hoje conhecemos e que fazemos parte. As aventuras de Ayla nos surpreende, comove, emociona, nos enche de orgulho e também nos faz sentir agonias e tristezas por tantas provações que ela tem que enfrentar.

Ayla é uma garota/mulher simples, surpreendente, especial e acho que a primeira heroína completa na literatura. Por esse conjunto de motivos, “Ayla, a Filha das Cavernas” ganhou a posição de livro que mais gostei.

Anúncios

4 Responses to “10 livros em 10 dias – 1º dia”


  1. 1 Sandra Oliveira
    junho 14, 2010 às 7:52 pm

    Adorei essa proposta, quem sabe ainda consigo fazer um post nesse estilo, vou copiar a ideia, pode? rs mas primeiro vou por no papel os 10 livros e suas categorias, pra avaliar bem 😉

    também sempre adorei História e mais ainda saber desse livro. Pelo que li no post, é mesmo maravilhoso!

    beijos

  2. junho 15, 2010 às 5:19 am

    Claaaro que pode. Fique a vontade. Iria adorar saber a sua lista =)
    Ahhh se colocar “Ayla, a filha das cavernas” na sua listinha, não irá se arrepender.
    Beijos

    • 3 Sandra Oliveira
      junho 15, 2010 às 7:05 pm

      Adorei, mas não sei se estou preparada para uma lista de peso como essa em relação aos livros, mas acho que vou fazer uma de filmes 😉

      com certeza, já está na listinha sim!

      beijos

      • junho 16, 2010 às 6:39 am

        Ahhhh =(
        Mesmo a listinha de filmes eu quiero ver, também gosto muito de cinema e suas críticas nessa área são muuuuuuuuuito boas mesmo. Já te disse que indiquei seu blog para uma amiga minha que curte muito cinema e ela me disse outro ddia desses mesmo (de novo) que sempre olha seu blog (pena que não coemnta – tanta gente olha e não comenta né?) e que adoro seu espaço =)
        Beijos


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


Melissa Rocha

Jornalista apaixonada por cachorros e literatura, principalmente o gênero infanto-juvenil. Torcedora (e sofredora) do Palmeiras e Bahia. Fã de Drew Barrymore, Dakota Fanning, Anthony Kiedis e Red Hot Chili Peppers, All Star e Havaianas.

Blog Stats

  • 1,465,560 hits

No Twitter

RSS Ocasional

  • Ocorreu um erro. É provável que o feed esteja indisponível. Tente mais tarde.
junho 2010
S T Q Q S S D
« maio   jul »
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
282930  

Páginas

Enter your email address to subscribe to this blog and receive notifications of new posts by email.

Junte-se a 76 outros seguidores

Mais Avaliados


%d blogueiros gostam disto: