17
nov
09

Artemis Fowl – O Código Eterno

 

Terceiro livro da série, “Artemis Fowl – O Código Eterno”, consegue construir um supercomputador após roubar tecnologia do Povo das Fadas, que possuíam tecnologia muito mais avançada que a humana. Ele denomina a sua invenção de Cubo V. Como ele não queria mal estar com os novos “amigos” resolve não revelar que o construiu através de seus atos trapaceiros.

Artemis continua nesta nova aventura fazendo o que faz melhor: sendo um gênio do crime, mas, para variar, as coisas não dão muito certo. Após tentar chantagear John Spiro, um inescrupuloso milionário norte-americano lidado à máfia de Chicago, as coisas saem do controle, Butler é morto e o Cubo V, roubado. O pior ainda estava para acontecer: o supercomputador dá acesso ao usuário à informações sobre o Povo das Fadas.

Desesperado e sem saber o que fazer para reverter essa quantidade de problemas em que se meteu, Artemis apela e pede ajuda para Holly. Ela, por sua vez, ajudaria ele de bom grado se a Cidade do Porto, capital do reino das fadas não estivesse em polvorosa por causa do alerta disparado: o sistema de segurança foi invadido por algum humano dando acesso às informações restritas aos seres fantásticos.

Artemis, que apesar de ser descrito desde o primeiro livro como um menino frio, calculista e criminoso, nunca de fato realiza maldades perversas em que prejudique de fato qualquer ser. Até então não se comporta de forma exemplar, mas já conhecemos muitos personagens piores no universo da literatura.

O garoto, vendo-se sem saída, apela para o lado emocional sendo honesta e revela a Holly toda a verdade. Diz que foi o seu computador, construído com tecnologia mista das fadas e dos humanos, que fez a invasão. Mas não tinha sido ele, e sim um escroque que só queria ganhar mais dinheiro.

O comandante Raiz após descobrir a verdade, determina que Holly, Palha e Juliet recuperem o computador de imediato, antes que a existência do povo seja revelado pela o mundo humano. Afinal, anos e anos de segredo não poderia se perder assim. Ao mesmo tempo em que uma equipe é montada para recuperar o supercomputador, Artemis se desespera com a perda do seu amigo e guarda-costas, abatido em combate. Será mesmo o fim da linha para Butler? Só lendo para saber. Meus resumos e sugestões tem sido muito grandes, é bom deixar o suspense no ar para incentivar a leitura.

Esse volume, assim como todos os demais, é bastante divertido e dei muita risada praticamente em todas as aparições de Palha Escavator na história. A parte em que em que ele invade com Artemis, Juliet e Holly as indústria Spiro é hilária. Vale a pena conferir!

 

Anúncios

0 Responses to “Artemis Fowl – O Código Eterno”



  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


Melissa Rocha

Jornalista apaixonada por cachorros e literatura, principalmente o gênero infanto-juvenil. Torcedora (e sofredora) do Palmeiras e Bahia. Fã de Drew Barrymore, Dakota Fanning, Anthony Kiedis e Red Hot Chili Peppers, All Star e Havaianas.

Blog Stats

  • 1,469,938 hits

No Twitter

RSS Ocasional

  • Ocorreu um erro. É provável que o feed esteja indisponível. Tente mais tarde.
novembro 2009
S T Q Q S S D
« out   dez »
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30  

Páginas

Enter your email address to subscribe to this blog and receive notifications of new posts by email.

Junte-se a 76 outros seguidores

Mais Avaliados


%d blogueiros gostam disto: